Peixe de rio enlatado

A Gomes da Costa, empresa processadora de pescados, pretende investir entre R$ 28 milhões e R$ 30 milhões na instalação de uma planta em Toledo (PR), onde deverá produzir tilápia em conserva.
23 de maio de 2013 | 14:59

Ainda não há precisão de aumento da receita da companhia com a nova unidades fabril.

    “É a criação de um mercado novo. É muito cedo para termos ideia”, afirma o presidente da empresa, Alberto Encinas.

    No ano passado, a receita da Gomes da Costa se aproximou de R$ 1 bilhão.

    No segundo semestre deste ano, o produto será fabricado de forma experimental. A expectativa é que a operação da planta comece oficialmente em meados de 2015, segundo Adão Pereira de Sá, diretor da companhia.

    A unidade vem sendo planejada para processas cerca de dez mil toneladas de tilápia por ano.

    “Pouco mais de 30% do peixe será vendido em conserva. Entre 20% e 22% se transformará em proteína para alimentação animal e 10%, em óleo”, diz Sá.

Seção: Mercado Aberto

Seção: Lupa Clipping

Por: Maria Cristina Frias - cristina.frias@uol.com.br

Fonte: Jornal Folha de S. Paulo em 23 de maio de 2013 14:56

Pesquisar Tags:

Gomes da Costa, tilápia, conserva, peixe, Toledo


Permalink |

Comentários

Deixe um comentário