Idec apoia tratado global para combater doenças relacionadas à alimentação

Com meio bilhão de pessoas obesas em diversas partes do mundo, entidades apontam ações que precisam ser tomadas pelos governos para combater a obesidade e outras doenças
23 de maio de 2014 | 14:18

A Consumers International, organização mundial de defesa do consumidor da qual o Idec faz parte, juntamente com a World Obesity Federation lançará o documento “Recomendações para uma Convenção Global para proteção e promoção de dietas saudáveis”, na Assembleia Mundial da Saúde, em Genebra, essa semana. 
 
A intenção é convocar a comunidade internacional para que se chegue a uma convenção global de combate a estas doenças, que exigem a mesma atenção dada ao combate ao tabaco. Dietas não saudáveis já aparecem à frente do cigarro no ranking de causas globais de Doenças Crônicas não-transmissíveis (DCNT) e passíveis de prevenção.
 
As Recomendações conclamam governos a se comprometerem a implementar uma série de medidas políticas pensadas para auxiliar os consumidores a fazer escolhas mais saudáveis e melhorar a segurança alimentar de todos.
 
As medidas incluem controle mais rigoroso da publicidade de alimentos, melhorias na comunicação de informações nutricionais, reformulação de produtos considerados não-saudáveis, melhorar os padrões de alimentos oferecidos em instituições públicas, e lançar mão de artifícios econômicos para influenciar os padrões de consumo.
 
De acordo com informações da Federação Mundial de Obesidade, existem mais de meio bilhão de pessoas obesas em diversos países do mundo, liderados por Estados Unidos, China e Brasil. A obesidade é um importante fator de risco para uma ampla série de doenças não transmissíveis. Dados mostram que, em 2008, 36 milhões de pessoas morreram desse tipo de doenças, o que significa 63% das 57 milhões de mortes daquele ano. Em 2030, a perspectiva é que essas doenças sejam as responsáveis pela morte de 52 milhões de pessoas.

Fonte: Idec em 23 de maio de 2014 14:13

Pesquisar Tags:

Idec, World Obesity Federation, dietas saudáveis


Permalink |

Comentários

Deixe um comentário