COM NOVO PROJETO PARA SCHADEK, LC REGISTRA CRESCIMENTO DE 30% NO INTERIOR PAULISTA

A empresa de refeições coletivas já contabiliza mais de 20 projetos no interior de São Paulo, registrando faturamento anual de cerca de R$ 12 milhões
18 de janeiro de 2017 | 08:20

São Paulo, 15 de janeiro de 2017 – A LC Restaurantes, especialista em refeições coletivas, fez mais um projeto no interior de São Paulo. Desta vez, para a Schadek, indústria de produtos hidráulicos, como bombas de óleo, bombas d’água, tubos de sucção, entre outros. A fábrica fica na cidade de Porto Feliz, onde a LC implantou um novo padrão nos serviços de alimentação da Schadek, inserindo pratos lights e caseiros para todos os colaboradores.

A LC Restaurantes passou a focar no interior de São Paulo, ao identificar as demandas de várias empresas da região. Desde então, passou a ser um dos mercados mais promissores para a LC. Hoje, a empresa conta com mais de 20 projetos, sendo um deles para a empresa química Dynatech, em Itupeva, na região de Jundiaí. Outra importante parceria foi com o Condomínio Comercial Zimba, em Itatiba, região metropolitana de Campinas. Atualmente, a empresa Donaldson, de serviços de filtragem, ocupa 30% dos galpões disponíveis para locação no condomínio. Outros novos projetos foram para as empresas Delta, em Indaiatuba; Cooper Industries, da Eaton, em Porto Feliz; CHR Hansen, em Valinhos; Brasiliense, em Campinas; e Tegula, em Atibaia.

Em 2016, a LC conquistou outras grandes contas no interior de São Paulo, como a multinacional Bosch Termotecnologia Ltda, localizada em Alphaville Empresarial, na região de Barueri; a Siemens no Brasil, nas unidades de Jundiaí I, Anhanguera e Cabreúva. A implantação dos restaurantes na empresa de tecnologia foi conduzida pela área da Siemens Real State, responsável pelas atividades imobiliárias da corporação e coordenada pela nutricionista Paula Spedaletti, responsável pelo processo.

Para a Siemens, a LC desenhou os projetos de ambientação dos restaurantes, incluindo comunicação visual, decoração e a instalação de totens para monitorar a satisfação dos clientes e possibilitar o agendamento da opção de cardápio para o dia seguinte. “Por meio de um sistema interligado à administração dos restaurantes, todos os apontamentos são visualizados em tempo real, conferindo agilidade nas providências para o perfeito atendimento ao cliente”, conta Simone do Rocio Prisiaznij, Consultora de Novos Negócios da LC Restaurantes.

Também no ano passado, a LC inaugurou dois restaurantes para a Capricórnio Têxtil, uma das cinco maiores produtoras de denim do País, que produz mais de 70 milhões de m² de tecido por ano. Em 1970, a empresa têxtil implementou sua primeira filial da divisão de tecelagem em Bragança Paulista, onde a LC realizou um dos projetos. O outro foi na filial de São Carlos, onde se concentra a produção de tecidos índigo blue.

Para a MAXAM, grupo industrial líder no desenvolvimento, fabricação e comercialização de explosivos, sistemas para mineração, entre outros, a LC passou a prestar seus serviços de alimentação para os colaboradores que atuam na fábrica, na cidade de Cruzeiro.

Em janeiro de 2016, a LC Restaurantes assumiu a gestão de todos os refeitórios da Biolab Farmacêutica e da Avert Laboratórios, empresas do mesmo grupo. O contrato prevê a disponibilização de 30 mil refeições por mês, distribuídas entre as fábricas de Taboão da Serra, Jandira, Bragança Paulista e o Centro de PD&I de Itapecerica da Serra, além de o recém-inaugurado Centro de Distribuição em Extrema, Minas Gerais.

Outro grande projeto realizado neste ano, no interior de São Paulo, foi o restaurante para o Centro de Distribuição (CD) e BRF Innovation Center (BIC) da empresa BRF, criada em 2009, a partir da associação entre a Sadia e a Perdigão. Após o processo de fusão, finalizado em 2012, a empresa tornou-se uma das gigantes do mercado alimentício mundial. São servidas cerca de 800 refeições diárias no CD, que fica em Jundiaí, onde o público é mais operacional, e em torno de 400 refeições no (BIC), complexo que abriga a Diretoria de P&D e Qualidade, responsável pela pesquisa e desenvolvimento de produtos cárneos, massas, margarinas, vegetais e embalagem, bem como pelo Sistema da Qualidade BRF.

Em todos os restaurantes, a LC implementou variações nos serviços de alimentação, de acordo com as prioridades de cada cliente. Os serviços são o “Sabor Saúde” (com preparações balanceadas de baixa caloria), “Sabor Grill” (cardápio com opções de proteicos grelhados oferecidos alternadamente), “Sabor do Chefe” (pratos tradicionais, caseiros) e “Sabor do Cliente” (pratos diferenciados, desenvolvidos para oferecer uma quebra de rotina, permitindo que o cliente escolha os ingredientes do seu prato).

“Em 2016, registramos um crescimento de 30% no interior paulista, cujos projetos estão rendendo à empresa cerca de R$ 12 milhões de faturamento ao ano. Os negócios estão sendo promissores na região, e esperamos expandir ainda mais em 2017”, afirma Dâmaris de Luca, Diretora de Novos Negócios da LC Restaurantes. Com 3.000 colaboradores, 250 Unidades Operacionais e servindo 125.000 refeições por dia, a LC Restaurantes fatura cerca de R$ 300 milhões por ano.

Sobre a LC Restaurantes

Com 27 anos no mercado de refeições coletivas, atuando em projetos especiais e personalizados, a LC Restaurantes se diferencia pela sua excelência em atendimento e serviços de alimentação para empresas, hospitais, escolas, varejo e hotelaria marítima, estando presente em oito estados: São Paulo, Minas Gerais, Rio de Janeiro, Paraná, Rio Grande do Sul, Ceará, Pernambuco e Distrito Federal. A empresa conta com equipes altamente qualificadas para desenvolver projetos diferenciados, planejando ambientes que proporcionem ganhos de qualidade de vida. Dentre seus serviços, destacam-se Sabor Brasil (Sabor do Chef, Sabor do Cliente e Sabor Saúde), Cozinha & Arte, Prato à La Carte, Grill, LC

Por: Flavia Vargas

Fonte: LC Restaurantes em 18 de janeiro de 2017 08:17

Pesquisar Tags:

LC Restaurantes, Capricórnio Têxtil


Permalink |

Comentários

Deixe um comentário
  • Coluna Do Editor

    ...e aqui estamos nós, em 2017!

    Leticia Evelyn Oliva-Cowell
    23 de janeiro de 2017 01:25
    Industria de Alimentos em 2017, nós estaremos acompanhando.